Projeto – Centro de Treinamento e Ensinamento de Futebol Ninho das Cobras Presidente Rodolfo Aguiar.

Projeto do Centro de Treinamento e Ensinamento de Futebol Ninho das Cobras – Presidente Rodolfo Aguiar – Fundado em 07 de julho de 2011. Localizado na Estrada da Mumbeca, S/N Km 7, Guabiraba, Recife, Pernambuco.

 

 

1. APRESENTAÇÃO

Em um terreno de 105.000m (cento e cinco mil metros quadrados) equivalente a 10.5 hectares, localizado na estrada da Mumbeca, S/N, no KM 07, Guabiraba, no município do Recife, a cerca de 13 quilômetros da sede do Santa Cruz Futebol Clube, adquirido em 07 de julho de 2011 e inaugurado pelo então presidente Antônio Luiz Neto em 07 de julho de 2011 – ano de ouro do Santa Cruz Futebol Clube neste século XXI. O Centro de Treinamento e Ensinamento de Futebol Ninho das Cobras – Presidente Rodolfo Aguiar é mais uma iniciativa pioneira do Santa Cruz Futebol Clube, em sua constante busca da excelência no futebol e referência no trabalho de formação de atletas de alto rendimento. Este projeto contará com uma estrutura esportiva, educacional e administrativa, com modernas instalações que aproveitam a natureza e a geografia do terreno, criando um ambiente altamente funcional e de extremo conforto e tranquilidade para os jovens que sonham em seguir a carreira no futebol profissional. A escolha do terreno para a implantação do Centro de Treinamento e Ensinamento de Futebol Ninho das Cobras – Presidente Rodolfo Aguiar foi pensado principalmente por seu fácil acesso, tanto de moradores da estrada da Mumbeca em Guabiraba, como das regiões vizinhas, bem como por suas dimensões que comportam os três campos de futebol em seus tamanhos oficiais e as instalações necessárias para tal projeto, o que vem possibilitar a sua implantação, uma vez que não causará impactos negativos com a vizinhança e aumento muito significativo para as vias do entorno que possa causar congestionamentos na região.

 

 

UNICEF

A UNICEF está presente no Brasil desde 1950, liderando e apoiando algumas das mais importantes transformações na área da infância e da adolescência no País, e, reconhece que o futebol é um instrumento educativo valioso que pode ajudar as crianças a superarem traumas e frustrações.

Utiliza o futebol de muitas formas e em muitos países, para educar as crianças em suas relações com os demais, divertindo-os e protegendo-os da violência, dos abusos, das drogas, da marginalidade e de outros males. O projeto do Centro de Treinamento e Ensinamento de Futebol Ninho das Cobras –Presidente Rodolfo Aguiar – tem como base a formação de atletas de futebol, com a finalidade de melhor atender e aperfeiçoar as habilidades dos atletas com instalações esportivas, mas também tendo estruturas de suporte visando atingir a sua proposta social, com os mesmos ensinamentos de valores, com a preocupação com o bem estar, áreas de ensino e cuidados médicos. Será desenvolvido um trabalho com comunidades carentes, no sentido de proporcionar a prática de futebol recreativo através de projetos sociais, atendendo centenas de crianças de diversas regiões.

Neste Centro serão alojados jovens atletas das categorias de base, do sexo masculino, faixa etária de 10 a 15 e de 16 a 18 anos de idade, da cidade do Recife e vindos de outras localidades. O Centro de Treinamento será totalmente equipado com base em grandes referenciais do país, possuindo instalações para alojamento dos atletas, refeitório, cozinha, praças, áreas de convivência, sala de computadores, sala de estudos, auditório, área de armazenagem de alimentos e materiais de serviços, prédio para medicina esportiva, fisioterapia, campos de futebol e administração desse complexo. O resultado final do trabalho consistirá no desenvolvimento de um projeto arquitetônico, tornando a área valorizada para que o esporte volte a ser uma referência na cidade para os jovens.

No Centro de Treinamento treinarão as categorias infantil, juvenil e juniores, com acompanhamento não apenas esportivo, mas também pedagógico, médico e odontológico, com proposta de vir a manter convênios com escolas da região, garantindo o acesso dos jovens ao celeiro de craques.

2. INTRODUÇÃO

Desde as suas origens até os dias atuais o esporte passou por um período de significativa evolução, percebe-se que essa evolução contribuiu de maneira intensa para a sua disseminação no meio social, chegando a ponto de constituir atualmente como um verdadeiro fenômeno sociocultural, observado em todas as classes e camadas populares.

Os esportes vêm adquirindo magnitude crescente na atualidade, despertando a atenção de diversos ramos da produção científica. A arquitetura, por ser dinâmica, vem acompanhando esse rico e vasto campo de investigação, disposta a tentar oferecer a sua contribuição. As grandes competições esportivas da atualidade constituem indiscutivelmente um fenômeno mundial. Não apenas os tradicionais Jogos Olímpicos e as Copas do Mundo de Futebol, mas um conjunto crescente de competições esportivas com menor enfoque, mas que, no entanto, também atingem atualmente um vastíssimo público. Verifica-se a adaptação de uma verdadeira rede mundial, dotada de milhares de equipamentos esportivos, que atravessam países, expandem-se pelas cidades e pelo campo e que atuam intensamente na cultura e na identidade dos lugares. Os esportes são, portanto, um componente fundamental da modernidade. Os espaços destinados para o desenvolvimento dessas atividades no tecido urbano são de extrema importância para diversos aspectos, como a qualidade de vida da população, desenvolvimento e aperfeiçoamento de habilidades e outros.

Os equipamentos de esporte, são espaços que possuem funções de promover atividades essenciais à vida, como a prática de exercícios físicos, lazer e garantia de um tempo livre necessário para o indivíduo, estabelecendo ambientes que possibilitam o seu desenvolvimento. Assim, esporte é saúde. Faz viver melhor e viver mais. Além de tornar as pessoas mais capazes e bem dispostas, previne e combate doenças do corpo e da mente. O esporte é também educativo. Cultiva valores como a solidariedade, a determinação e a autoconfiança. Leva as pessoas a se organizarem em equipe, socializando-as e gerando laços de amizade para a vida toda.

Também é importante frisar o seu caráter de força cultural e política. Fonte de orgulho para uma pequena comunidade, uma cidade grande ou um país inteiro. O esporte fortalece os grupos sociais. Faz um povo se integrar, se superar, acreditar na sua grandeza, levando-o, como nação, a alcançar respeito mundial. Investir no esporte é, definitivamente, investir em saúde, educação, inclusão social, evidenciando o orgulho que todos têm perante as várias partes do mundo. É dentro desse contexto que a criação do Centro de Treinamento e Ensinamento de Futebol Ninho das Cobras – Presidente Rodolfo Aguiar – vem em defesa das questões do desporto, em consonância com as estratégias dos governos Municipal, Estadual e Federal.

Esse novo espaço terá como função proporcionar aos atletas condições de treino adequado, e oferecer toda a infraestrutura necessária para o seu bom desenvolvimento. Portanto, o projeto a ser desenvolvido consiste em uma construção de um Centro de Treinamento desportivo, com uma infraestrutura voltada para a formação de atletas de futebol não profissional.

O Centro de Treinamento e Ensinamento de Futebol Ninho das Cobras – Presidente Rodolfo Aguiar , além de oferecer toda a infraestrutura para o desenvolvimento e aperfeiçoamento dos atletas, também terá um grande diferencial que é a proposta social, proporcionando aos jovens a oportunidade de se tornarem cidadãos íntegros e preparados para enfrentar a sociedade.

É uma proposta de áreas de ensino não somente de futebol, mas um espaço para reforços escolares, incentivo à leitura, atualidades, cuidados médicos e lazer, com foco em crianças e adolescentes da cidade e região. Pretende-se desenvolver um trabalho com a comunidade carente, no sentido de proporcionar a prática de futebol recreativo, através de projetos sociais atendendo centenas de crianças de diversos municípios da região.

Nessa área a ser construída, serão alojados cerca de 200 jovens atletas das categorias de base, do sexo masculino, faixa etária de 10 a 15 e de 16 a 18 anos de idade, da cidade de Recife e vindos de outras localidades da região.
O objetivo é tornar esse Centro de Treinamento em referência, no que diz respeito ao fornecimento de informações e conhecimento sobre o esporte e a sua integração com a população, valorizando a região e o próprio esporte, proporcionando melhores oportunidades à participação de competições esportivas.

 

3. IMPORTÂNCIA DO ESPORTE NA SOCIEDADE

Por que um Centro de Treinamento e Ensinamento de Futebol atende a população em geral?

Quando pensamos em lugares para a prática de futebol, logo nos vêm em mente as quadras nas escolas e as quadras que se encontram (raramente) nas praças das cidades, quando as crianças e jovens querem praticar esportes acabam indo para as ruas, calçadas, o que consequentemente acaba ocasionando acidente. Não existe uma vida comunitária por falta de instalações que possam estimular os jovens a praticar o esporte. Durante o período de chuva o chão se converte em lama tornando impossível a prática de qualquer atividade. Durante o período seco, o calor é intenso demais para atividades, sendo possível apenas embaixo da sombra.

O Centro de Treinamento e Ensinamento de Futebol que atenderá parte dessa população, crianças e adolescentes, terá um lugar de orgulho para a comunidade, pois proporcionará educação tanto na área esportiva como social e lazer, entre as camadas sociais menos favorecidas, as dificuldades na formação do cidadão se potencializam em virtude da falta de oportunidades, da discriminação e de outros fatores. O esporte, especificamente o futebol, integrador social por excelência, amenizador de conflitos sociais, aquecedor da economia local e provedor direto e indireto de empregos, foi o mecanismo encontrado pelo projeto em questão, para contribuir na formação de cidadãos plenos e conscientes de suas responsabilidades.

Isso nos leva a confirmar a necessidade da implantação de complexos esportivos, tanto de futebol como outras modalidades, que atendam não somente atletas profissionais, mas os amadores também. Os equipamentos esportivos são os instrumentos complementares indispensáveis das técnicas modernas, porque permitem resolver o problema da falta de exercício determinada pela predominância das ocupações sedentárias e pelos progressos da mecanização, formam o quadro próprio ao desenvolvimento do espírito de iniciativa, à emulação entre indivíduos, e preparam para o trabalho de grupo e para a colaboração nas atividades sociais.

Além disso, esse projeto pretende ser o suporte do Centro de Treinamento e Ensinamento de Futebol Ninho das Cobras – Presidente Rodolfo Aguiar, para fomentar novos atletas, sendo considerado um verdadeiro laboratório de formação de valores e que, por certo, possibilitará oportunidades a um grande número de jovens, ampliando o efeito multiplicador de sua comprovada capacidade em formar cidadãos e atletas, de segmentos da sociedade que, presentemente, estão privados de galgar uma inclusão social qualitativa e sustentável.

 

4. ESPORTE COMO POLÍTICA PÚBLICA

Atualmente os Estados estão estabelecendo o esporte como importante setor de políticas públicas e de considerável prioridade na agenda política. É fundamental o envolvimento do Estado no esporte, uma vez que se trata de atividades necessárias aos indivíduos, por razão de saúde pública no sentido preventivo e terapêutico. A outra razão é a necessidade de estruturar e regular o esporte profissional, dado o efeito que as competições nacionais e internacionais trazem sobre o prestígio e orgulho nacional, dentro e fora do país.

A prática esportiva e o lazer, conforme prevê o Artigo 217 da Constituição Federal, são direitos de cada cidadão. “É dever do Estado fomentar práticas desportivas formais e não formais como direito de cada um (…)” Constituição Federal, (Artigo 217 da Constituição Federal).

Com a criação do Ministério do Esporte, em 2003, o status do esporte no Brasil mudou. Atualmente recebe tratamento diferenciado por parte do Governo Federal, uma vez que passou a fazer parte da estrutura do Estado e constituir-se como política governamental efetiva, com destaque para um conjunto de programas e ações, cujos resultados indicam mudanças reais no esporte nos últimos cinco anos, a exemplo do Segundo Tempo, do Bolsa-Atleta, do Esporte e Lazer da Cidade, das questões do futebol e dos direitos do torcedor, da ampliação das fontes de financiamento ao Esporte, com a vigência da Lei Agnelo-Piva (2003) e da Lei de Incentivo Fiscal ao Esporte (2006), entre outros. As ações do Ministério do Esporte atendem ao disposto na Política Nacional do Esporte (2005), nas políticas setoriais e nas resoluções da Conferência Nacional…

O Ministério do Esporte é responsável por construir uma Política Nacional de Esporte. Além de desenvolver o esporte de alto rendimento, o Ministério trabalha ações de inclusão social, garantindo à população brasileira o acesso gratuito a prática esportiva, qualidade de vida desenvolvimento humano.

Política Nacional do Esporte, em especial quanto à criação e implementação do Sistema Nacional do Esporte e Lazer. Toda a atuação está sintetizada no Plano de Desenvolvimento do Esporte (2007 2010), em torno das seguintes diretrizes:

  1. Democratizar o acesso ao esporte e ao lazer;
  2. Promover o desenvolvimento humano e a inclusão social por meio do esporte e do lazer;
  3. Fomentar a produção e difusão do conhecimento científico e tecnológico do esporte e do lazer;
  4. Fortalecer o esporte de alto rendimento;
  5. Articular e implementar Políticas Intersetoriais que possibilitem a formação da cidadania, a promoção da saúde e a qualidade de vida;
  6. Implementar e desenvolver o Sistema Nacional de Esporte e Lazer;
  7. Fomentar a indústria nacional e a cadeia produtiva do esporte e do lazer;
  8. Potencializar o desenvolvimento do esporte escolar para crianças, adolescentes e jovens, contribuindo com a melhoria da qualidade de ensino;
  9. Ampliar e qualificar a infraestrutura de esporte e do lazer no País.

 

De acordo com o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA)

A criança e o adolescente gozam de todos os direitos fundamentais inerentes á pessoa humana, sendo dever da família e da comunidade, dar com absoluta prioridade a efetivação dos direitos referentes à vida, à saúde, à alimentação, à educação, ao esporte, à profissionalização, à cultura, à dignidade, ao respeito, à liberdade e à convivência familiar e comunitária.

Ele é que regulamenta os direitos das crianças e dos adolescentes, inspirado pelas diretrizes fornecidas pela Constituição Federal de 1988, visa garantir a máxima proteção e cuidado com a pessoa na sua fase mais importante de formação de caráter “psicossocial”, que vai do nascimento até o final da adolescência.

 

5. LEI FEDERAL DE INCENTIVO AO ESPORTE

Visando aproveitar o momento esportivo favorável que o país atravessa com a vinda de megaeventos esportivos, legislação favorável a construção e prática esportiva e outros fatores, o projeto do Centro de Treinamento e Ensinamento de Futebol Ninho das Cobras – Presidente Rodolfo Aguiar, a ser implantado no Bairro da Guabiraba, Estrada da Mumbeca S/N no KM 07 – Em Recife.

 

6. IMPACTO DO FUTEBOL NA INFÂNCIA

O esporte não é um privilégio, mas um direito fundamental das crianças, de acordo com a Convenção sobre os Direitos da Criança (CDC), o futebol desempenha um importante papel na aquisição desse direito. É uma linguagem universal de milhões de pessoas em todo o mundo, inclusive de crianças e adolescentes, independente de onde sejam, o idioma que falam, ou a religião que sigam. O futebol, para muitos brasileiros, rapidamente se tornou uma paixão, que frequentemente referem-se ao país como “país do futebol”.

Documento Internacional que enuncia um amplo conjunto de direitos fundamentais, os direitos civis e públicos, e também os direitos econômicos, sociais e culturais de todas as crianças, bem como as respectivas disposições para que sejam aplicados.

As crianças nascem em torno desse mundo, na etapa de crescimento desenvolvem condições ideais para treinar a habilidade, adaptando-se aos movimentos e assim podendo apresentar melhor coordenação. Com isso, para um melhor desenvolvimento do trabalho, as escolinhas de futebol geralmente treinam grupos divididos pelas diferentes etapas de idade.

O ponto principal é a bola, com a qual as crianças brincam numa quadra, no campo, parques, nas ruas, em estacionamentos, e inclusive em locais abandonados, esses últimos acabam oferecendo muitas vezes um risco, pois esses lugares não têm infraestrutura adequada, o que pode vir a ocasionar acidentes.

As escolinhas de futebol vêm para organizar esse desejo meio incontrolado dessas crianças, proporcionando de forma positiva educação esportiva, social e lazer. Cada vez mais meninos se inscrevem em escolas de futebol, seduzidos em converterem-se em uma grande estrela do futebol mundial, ou mesmo por simples diversão. As meninas também estão conquistando espaços dentro desse esporte. Muitas delas talvez com o exemplo de Marta, a brasileira eleita por cinco vezes consecutivas como a melhor jogadora de futebol do mundo.

Bem controlado e com uma adequada preparação, o futebol contribui de forma positiva. Além dos benefícios referentes à saúde, sociabiliza as crianças, e lhes insere no trabalho em equipe. Alguns psicólogos afirmam que o futebol é uma boa ferramenta para afastar os mais jovens das tentações das drogas, da violência e do álcool.

O Centro de Treinamento e Ensinamento de Futebol Ninho das Cobras – Presidente Rodolfo Aguiar está de portas abertas a todos, inclusive a crianças com alguma deficiência ou transtorno físico como asma, alergia, síndrome de down, hiperatividade ou surdez. Essas alterações não os impedem de jogar futebol. O esporte melhora sua relação com os demais, e lhes dão mais segurança em si mesmos.

O Centro de Treinamento e Ensinamento de Futebol Ninho das Cobras – Presidente Rodolfo Aguiar se apoiará na Lei n°11.438/06 Lei de Incentivo ao Esporte (L.I.E.), que prevê a possibilidade de pessoas físicas e jurídicas destinarem uma parcela do imposto de renda devido em benefício de projetos desportivos elaborados por entidades do setor.

Este projeto apoia-se na vertente do desporto de rendimento, segundo a Lei n°9.615/98, art 3°, III, será caracterizado pelo “beneficiamento de atletas e equipes de alto rendimento, incluída a formação, treinamento e participação de competições promovidas por entidades de administração de desportos nacionais e internacionais.” Todos os processos burocráticos desde o estudo técnico preliminar, elaboração do projeto básico, exigência de alvarás, autorizações e licenças e, por último, o detalhamento do custo global da obra, estão finalizados para a elaboração deste Centro de Treinamento.

 

7. CONSIDERAÇÕES FINAIS

Atualmente estamos passando por um momento muito favorável, já que a vinda de grandes eventos esportivos está movimentando o mercado e consequentemente aumentando o investimento no setor. As grandes competições esportivas da atualidade constituem indiscutivelmente num fenômeno mundial. Os esportes são, portanto, um componente fundamental da modernidade. Os espaços destinados para o desenvolvimento dessas atividades no tecido urbano são de extrema importância, tanto para saúde, como educação e lazer. Investir no esporte é, definitivamente, investir em saúde, educação e inclusão social, evidenciando o orgulho que todos têm perante as várias partes do mundo. É com base nesses conceitos que o trabalho de criação do Centro de Treinamento e Ensinamento de Futebol Ninho das Cobras – Presidente Rodolfo Aguiar se baseou, desempenhando um papel fundamental pelo incentivo e desenvolvimento do futebol de base do Santa Cruz Futebol Clube.

Assim, esse novo espaço tem como função proporcionar aos atletas condições de treino adequado, e oferecer toda a infraestrutura necessária para o seu bom desenvolvimento e aperfeiçoamento, bem como um grande diferencial que é a proposta social, proporcionando aos jovens a oportunidade de se tornarem cidadãos íntegros e preparados para conquistar seu espaço na sociedade. É uma proposta de áreas de ensino não somente de futebol, mas um espaço para reforços escolares, incentivo à leitura, atualidades, cuidados médicos e lazer, com foco em crianças e adolescentes da cidade e região.
Com uma boa infraestrutura, o Centro de Treinamento e Ensinamento de Futebol Ninho das Cobras – Presidente Rodolfo Aguiar – , tem como objetivo atender melhor os atletas, tendo como preocupação o bem estar dos mesmos, com um espaço de ensino e prática esportiva, educação, saúde e lazer para crianças e adolescentes, estimulando o trabalho em grupo, a cooperação, a parceria e à convivência comunitária.

Jcv 2015

Publicações Relacionadas